无标题文档

China fortalece popularização da ciência, diz oficial

2022-06-08 16:54

Um estudante observa um experimento de tratamento de águas residuais durante o Dia Nacional de Popularização da Ciência realizado no distrito de Baohe da cidade de Hefei, Província de Anhui, leste da China, em 20 de setembro de 2020. (Xinhua/Liu Junxi)

A China fez grandes esforços para popularizar a ciência online e offline na última década, afirmou disse Zhang Yuzhuo, vice-presidente da Associação Chinesa de Ciência e Tecnologia, nesta segunda-feira.

A proporção de cidadãos chineses cientificamente alfabetizados aumentou para 10,56% em 2020, quase o dobro de 2015, disse Zhang Yuzhuo, vice-presidente da Associação Chinesa de Ciência e Tecnologia, em uma coletiva de imprensa.

Na última década, os museus modernos de ciência e tecnologia com características chinesas se desenvolveram rapidamente, com visitantes offline ultrapassando 850 milhões, disse Zhang.

O número de museus de ciência-tecnologia offline aumentou de 118 em 2012 para 408 atualmente, disse ele, acrescentando que 1.112 sites de ciência popular foram construídos em escolas rurais de ensino médio.

Uma plataforma online nacional para popularização da ciência, chamada Museu de Ciência e Tecnologia Digital da China, viu seus usuários aumentarem para mais de 15 milhões.

Enquanto elogia o progresso significativo da China no fortalecimento da popularização da ciência, Zhang também reconheceu a lacuna urbano-rural e regional a esse respeito.

"Vamos canalizar mais recursos e serviços de ciência popular para áreas subdesenvolvidas para ajudar a impulsionar a revitalização rural", disse Zhang.

Fonte:Xinhua